Pelas minhas gavetas do futebol
Tiago S. Nogueira
2020/07/31
E3
Tiago Santos Nogueira partilha com os leitores o seu espaço de opinião “Pelas minhas gavetas do futebol". Em forma de viagem, a cada mês será aberta uma gaveta e dela sairá futebol. Assim como a adjacente magia do desporto.
Sporting de Braga e Vitória SC estão a viver tempos de grande mudança. Desde logo no que respeita aos treinadores. Mas também no plantel e, até mesmo, nas estruturas de comunicação, onde André Viana viajou de Braga para Guimarães e António Salvador reforçou-se com Alexandre Carvalho, novo diretor de comunicação dos arsenalistas.
No Municipal de Braga, as entradas de Iuri Medeiros (um pé esquerdo abençoado), André Castro e Guilherme Schettine já estão confirmadas, bem como a transferência milionária de Paulinho para o futebol inglês. Por sua vez, Carlos Carvalhal é o novo treinador do Sporting de Braga. O técnico português regressa, assim, a uma casa que conhece bem, já que em 2006/07 chegou a orientar os bracarenses. Após brilhar em terras de sua Majestade, chegou a Vila do Conde na última época, onde conseguiu apurar o Rio Ave para as pré-eliminatórias da Liga Europa com um futebol extremamente positivo. A tomar a iniciativa, a arriscar, a querer ter a bola. Pergaminhos que não abundaram na nossa Liga. E, também por isso, tiro-lhe aqui o meu chapéu. Ainda assim, deixar a Premier League para treinar no Campeonato Português? É raro. Mas Carlos Carvalhal tem as suas razões e aponta a família como maior fator de motivação para as suas decisões. E, agora, está de regresso ao clube do coração. “Quando entro num clube, costumo dizer que vou vestir a pele desse clube e isso significa incorporar os valores e a sua tradição. Todos nós fazemos isso, mas desta vez é mais simples. Eu não vou vestir a pele, esta é a minha pele. O meu ADN é Braga e o meu futebol tem muito da minha passagem pelo Braga”, explicou Carvalhal na apresentação oficial do clube.
Por outro lado, em Guimarães ainda não existem grandes mudanças no plantel. Mas os rumores invadem o Estádio D. Afonso Henriques. Desde logo com a provável saída de Marcus Edwards, a maior revelação da temporada passada que, para mim, se afirmou como um dos maiores talentos do nosso Campeonato. Irradiou talento sem perder regularidade. Tem uma relação com a bola absolutamente impressionante. E numa altura em que ainda podíamos ir ao Estádio (já passou assim tanto tempo?), o extremo inglês valia o bilhete. Valia mesmo. Em contrapartida, Gil Dias é uma forte hipótese para reforçar a cidade-berço. Um excelente futebolista que fala português. Mas uma coisa está garantida: Tiago Mendes, antigo internacional português e com uma carreira que dispensa apresentações, será o novo treinador do Vitória SC. Tiago chegou a ser adjunto de Diego Simeone no Atlético de Madrid e estreia-se, agora, no comando de uma equipa profissional. E logo num clube tão exigente como o Vitória SC. O desafio adivinha-se hercúleo.


Comentários (3)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
motivo:
vsc
2020-07-31 19h10m por virose_pt
Os miúdos que entram para a B e para os Sub23 contam para o totobola? Essa é boa.
VI
*
2020-07-31 17h03m por Vilanova1
Como se o Minho se resumisse a esses 2 clubes
não existem grandes mudanças no plantel?
2020-07-31 16h58m por vsc95
"Por outro lado, em Guimarães ainda não existem grandes mudanças no plantel. "

O Sr. Tiago Nogueira tem visto as notícias?
Guimarães tem 2 clubes na primeira liga, a qual se refere?

Entradas confirmadas no Vitória:
Noah Jean Holm, Bisseck, Matous Trmal, Jonas Carls, Nicolas Tie, Jung-min Kim, André Ramalho e Duarte Moreira

Saídas confirmadas:
Bonatini, Mascarenhas, Bondarenko, Denis Poha e Miguel Silva

Se isto não são mudanças no plantel. . .
OPINIÕES DO MESMO AUTOR
Bruno Lage, natural de Setúbal, assumiu o cargo de treinador do SL Benfica a 3 de janeiro de 2019, numa altura em que as águias ocupavam o quarto lugar do Campeonato, a sete pontos da ...
30-06-2020 12:27E2
Ó futebol de rua, ó futebol mágico e sonhador, onde andas tu? O futebol pelo qual me apaixonei não era medido em cifrões. Não fazia ...
31-05-2020 14:40
Os pitões das chuteiras a bater no chão. O clima de tensão à porta do túnel. O barulho da bola a rolar na relva. O grito desconcertante dos adeptos apaixonados. ...
09-04-2020 20:07E1
Opinião
Na Minha Secreta Área
Luís Rocha Rodrigues
Livres Sem Barreira
Márcio Madeira
O sítio dos Gverreiros
António Costa
Pelas minhas gavetas do futebol
Tiago S. Nogueira
A preto e branco
Luís Cirilo Carvalho
Vénia ao 3º Anel
Filipe Inglês